.

18.10.09

Um dia



Qualquer dia, ela com suas mãos
desenhará em chãos longíquos
a casa só nossa, que eu farei
com estas mãos


Os tijolos, eu os amassarei com os meus pés e mãos.

Às telhas
 -Bem, hei de aprontar o barro mais macio, forte,
e as formas serão por mim,
uma a uma, completadas;


Ela as alisará longamente
- Seus dedos molhados
de um profundo silêncio:

SÓ OS PÁSSAROS.

9 comentários:

Carla disse...

Tudo delicadamente construído com todo cuidado ,para que cada detalhe não se perca...E tudo saia como foi idealizado...

Bjo.

Adoro-te!

Chico disse...

Sim Carla, como tem que ser.


:D

♥MáH♥ disse...

Que profundo...Criar o próprio lar...
Lar concreto...Com ares de quem está cuidando e criando o lar da alma...
Amei!
Bjão0
=*

Chico disse...

Obrigado Mah, sempre bom sua visita por aqui.

Anônimo disse...

Pois é ..uma vida e como uma construção, a base começa ali na terra,com todo cuidado, para quando levantarmos as paredes, essa estruturas seja firme como uma rocha,sabe creio q minha base não tenha sida criada com uma base forte, pq hj eu vejo que a casa tá ali,mas sua estrutura com algumas rachaduras rsrs,,,,aiaia hj nada haver ver...mas bora construir se vim um vento e derrubar rsr
beijosssss ama vcs
um certo alguem

Chico disse...

É sempre bem-vinda Tia; heheheheh Valeu pelo comentário!

KARLA FREITAS disse...

que lindo...muito romantico...que possamos sempre nos dedicar ao nosso cantinho com tanto amor...parabens...obrigada pela visita no meu blog...bjkas

Chico disse...

Karla; Obrigado, seja bem-vinda ao meu blog.


Abraços.

Claudinha Santos disse...

"Porque só a partir de duas pessoas pode se construir um lar de verdade."
Bjs Att

Postar um comentário