.

24.11.08

Com[paixão] ou com[amor]


Ultimamente venho pensado sobre o amor. Podemos pensar em várias forma de ama! Você saberia dizer quantas formas existem? Quanto que vale um amor? Ou até melhor, ate quando que esse sentimento, tão grandioso, vai resisti em você?

Eu poderia dizer apenas dois tipos de amores. [ Pouco surreal?] diria que não, mas é como eu penso... Um deles pode desaponta-lo, que é a amor de amigos, e outro sempre está com você, que é o amor de família.

Muitos vão pensar, e o amor de namorada, isso eu ainda não tive [logo, logo terei o prazer e posso ate colocar algo sobre esse amor aqui no blog, colocar fotos e etc...].



Ame a se próprio e será capaz de amar alguém.

"A experiência da prática do amor traz paz de espírito e ajuda os outros. Pessoas bobas e egoístas estão sempre pensando nelas, e o resultado é sempre negativo. Pessoas espertas pensam nos outros, ajudando-os tanto quanto podem, e o resultado é felicidade."

6 comentários:

AriFilho disse...

Ah, o amor...
Interessante o texto

Bruna disse...

amor tão complicado ele pode machucar muito...:(.......muito bom o post....

Rodrigo; disse...

concordo com você
amor de amigos e o amor de família.
só existem esses dois :D

abraço! -sorrisão-

Flordelis disse...

Amei o texto, "o amor é fumaça formada pelos vapores dos suspiros. Purificado, é um fogo chispeante nos olhos dos amantes. Contrariado, um mar alimentado por suas lágrimas". (Skakespeare)
beijos

Chico disse...

Elis: Yes, yes! Adoreiiiii... Você sempre com palavras bonitas;


Obrigado

Claudinha Santos disse...

“Ter em quem pensar, com quem dividir, compartilhar, somar, com quem sumir pra só enfim aparecer. A gente quer sempre alguém que nos encontre, nos faça mais feliz. Podemos viver a sós, mas e NÓS, como fica? Melhor ter alguém pra fazer conta de somar no fim do dia, e pra depois sonhar enquanto você dormia e depois pra velar teu sono que vai da noite até o raiar do dia. Intercalando o cuidado pra não perder detalhes do sono, que pode até revelar em sonhos o que nos espera: alegria.”

Postar um comentário